Quando completou 40 anos de idade, o inglês Nick Rose descobriu que tinha um câncer terminal e pouco tempo de vida, mas antes de partir decidiu realizar um último desejo: encontrar uma família adotiva para criar seu filho de 4 anos de idade.

Enquanto sofria com um câncer no pulmão e nos ossos, em seus últimos dias, o inglês reuniu forças para não deixar o pequeno Logan desamparado.

“Nick era um pai excelente. A mãe do Logan o abandonou logo depois do nascimento do menino e ele fazia tudo para agradar o filho. Manteve-se forte como nunca após saber do câncer, e foi muito corajoso durante todo o processo. No final, só queria garantir que o filho tivesse uma família adotiva quando morresse”, contou uma amiga ao Daily Mirror.

Com câncer terminal, Pai busca família adotiva para filho antes de morrer

Em janeiro deste ano, após falecer, sua vontade foi realizada com a entrega da criança à uma família adotiva. Agora, os amigos de Nick lutam para arcar com os custos de seu funeral. Uma página de arrecadação online foi criada com o objetivo de reunir a quantia necessária para o enterro e ajudar Logan com seu novo futuro. As doações, até então, ultrapassaram a marca de R$ 43 mil.