[ editar artigo]

Top 5 filmes sobre paternidade

Top 5 filmes sobre paternidade

 

Sabemos que a paternidade envolve muitas questões, sejam sociais ou psicológicas. Além disso, paternidade também é cultura. Sobretudo nesse período de isolamento. Por isso, aqui vai uma lista de filmes para toda a família:

MILAGRE NA CELA 7  

O longa foi lançado em 2019, e é um remake feito na Turquia do longa homônimo produzido na Coréia do Sul em 2013. O filme aborda uma injustiça sofrida por Memo (Aras Bulut Iynemli), que vai parar na prisão. O personagem possui problemas mentais e é pai da Ova (Nisa Sofiya Aksongur).

Se você é aquele pai que gostaria de estar mais presente na vida dos seus filhos e, por alguma razão que vá contra a sua vontade, não pode ou não consegue, esse filme vai ter dar fôlego para continuar! 

À PROCURA DA FELICIDADE 

Chris Gardner (Will Smith) é um pai de família que enfrenta sérios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a família unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora é pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos.

Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe dê um salário mais digno. Chris consegue uma vaga de estagiário numa importante corretora de ações, mas não recebe salário pelos serviços prestados. Sua esperança é que, ao fim do programa de estágio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. 

Tipico longa daquele pai que busca realizar todos os seus sonhos e de seus pequenos. Se você é empreendedor ou busca uma carreira que talvez ninguém além de você acredita ser possível, você precisa rever este filme!

A MENINA ÍNDIGO 

O longa nacional gira em torno de uma garota de sete anos que, simplesmente, não tem o menor interesse na escola por não se reconhecer no local. Extrovertida e sincera, ela manifesta sua sensibilidade através da pintura, salpicando tinta por paredes e telas, onde quer que esteja.

A questão é que tal postura nem sempre é bem compreendida, não só pelos professores mas também pelos próprios pais, o que ela levanta questionamentos sobre se ela teria algum problema emocional.

Sou suspeito pra falar deste filme. Envolve além de crenças das quais acredito, uma gigante coincidência entre a história do filme e parte da minha história...Nomes e personalidades dos personagens principais também beiram a fidelidade. 

 

FAMÍLIA DE DOIS

Samuel (Omar Sy) nunca foi de ter muitas responsabilidades. Levando uma vida tranquila ao lado das pessoas que ama no litoral sul da França, ele vê tudo mudar com a chegada inesperada de uma bebê de poucos meses chamada Glória, sua filha. Incapaz de cuidar da criança, ele corre para Londres a fim de encontrar a mãe biológica, mas, sem sucesso, decide criá-la sozinho. Oito anos depois, quando Samuel e Glória se tornam inseparáveis, a mãe retorna para recuperar a menina.

Um filme que assisti sem muita pretensão...Achei que era apenas mais uma daquelas comédias bonitinhas, mas do meio ao final, este filme vai moer seu coração.

 

CORAJOSOS

Os policiais Adam (Alex Kendrick), Nathan (Ken Bevel), Shane (Kevin Downes) e David (Ben Davies) enfrentam diariamente os maiores desafios de suas vidas e a dedicação deles é reconhecida por suas chefias. Mas se no cumprimento dessa tarefa eles não deixam dúvidas quanto a competência em cuidar da sociedade, em casa, o mesmo não pode ser dito porque eles estão falhando no papel de pais e maridos. E quando algo inesperado acontece, é preciso tomar uma decisão que mudara suas vidas.

Simplesmente o filme que derrubou o restinho de ficha que faltava da minha paternidade...O filme é uma das melhores aulas e exemplos sobre paternidade. São 4 pais, cada um com uma história paterna que certamente com alguma você irá se identificar. Esse filme é obrigatório para todo e qualquer pai.

 

Papo de Pai
Riccardo Velasco
Riccardo Velasco Seguir

Me interessei sobre paternidade da maneira mais comum: Tive uma filha! A Manu. Sou pai desde a raiz à flor da pele. Do exato momento da concepção, até quando meus olhos fecharem definitivamente. Mas nesse intervalo, farei o melhor como pai.

Ler matéria completa
Indicados para você