[ editar artigo]

Como se livrar do excesso de coisas pode fazer de você um Pai melhor

Está começando a ficar fora de controle. Em um quarto, você tem metade da Hi Happy. No outro, LEGOs e brinquedos menores formaram um tapete colorido. Depois, tem bebê conforto, cadeirinhas pra carro, carrinhos de bebê, centenas de babadores e um andador que serve como um lembrete de que você não precisa mais de um andador. Você acha que tudo isso faz parte da paternidade, mas o renomado especialista em organizações Peter Walsh diz que a guerra contra o acúmulo de coisas não é apenas importante pra deixar a casa mais bonita, é essencial para o bem-estar de sua família.

Como se livrar do excesso de coisas pode fazer de você um Pai melhor - papodepai.com

Walsh é autor de vários livros sobre organização e desordem e ganhou notoriedade ao participar de programas com grande audiência nos EUA como TLC e The Oprah Winfrey Show. Sua função era ajudar pessoas a organizar suas casas e vidas. "Quando você organiza um espaço isso te dá uma grande sensação de relaxamento, calma e foco", diz Walsh. "Tudo fica melhor.". E aqui está o porque: menos é mais.

Compreenda o impacto do excesso de coisas

Walsh não vê uma pilha de brinquedos como uma montanha de diversão. Ele vê isso como um sinal pulsante de ausência. Uma tentativa de compensar o tempo longe de casa. "Eles têm essa transferência de emoção com bens, se compram muitas coisas pras crianças isso deve significar que as amam.", diz ele. Mas Walsh acredita que encher uma criança de brinquedos a ensina a valorizar a posse ao invés dos relacionamentos. Da próxima vez que você estiver  na padaria, deixe o mini-ventilador da Barbie no caixa.

Acha difícil? Peça a ajuda de seus filhos!

 

"Antes de comprar um novo brinquedo você precisa se livrar de um brinquedo", diz Walsh. Deixe seu filho decidir quem está na lista de convidados. Eles podem escolher o brinquedo que não querem mais e doá-lo para uma Instituição de Caridade ou mesmo um amiguinho. "Isso os ensina a ser cidadãos generosos", diz ele.

Como se livrar do excesso de coisas pode fazer de você um Pai melhor - papodepai.com

Deixe a sala livre

Por vezes acreditamos que as crianças querem ser cercadas por muitas coisas para se sentirem seguras e que tudo é precioso para elas. Mas se você fizer o trabalho sujo e deixar livre algum espaço, elas vão agradecer. "Muita gente diz: meus filhos ficariam loucos se eu me livrasse dessas coisas", diz Walsh. "Mas na minha experiência, quanto mais coisas você tem em casa, menor será a criatividade de seus filhos.".

Desapegar é mais fácil do que você pensa

 

Walsh diz que a organização não é algo muito trabalhoso. Você não precisa de um monte de sacos de lixo e a determinação de um soldado. Ele recomenda começar devagar e manter a constância. Apenas 10 minutos por dia pode fazer uma enorme diferença. "Se você está se sentindo oprimido, eu recomendo que por 10 minutos ao dia carregue pela casa um par de sacos grandes: um para o lixo e um para a caridade. Coloque os itens no saco correspondente, conforme necessário.". Walsh diz que depois de uma semana será possível notar uma grande diferença. Depois de duas semanas, você verá o quarto do seu filho novamente.

Seja um Pai melhor com a subtração

 

Cadeira de balanço, de amamentar, trocador, cadeirão, carrinho pra ficar dentro de casa, carrinho para passear, berço. Walsh diz que a maioria das pessoas não precisa ou sequer chega a usar metade das coisas que comprou pro bebê. Certamente também não precisam das dezenas de acessórios comprados para tornar a vida mais conveniente. Mas uma vez que vemos alguém falar que comprou e temos condições de pagar fica difícil resistir.

Mas pare! Quanto mais coisas você tem, mais coisas você quer e mais tempo você gasta pesquisando onde encontrar. E o tempo que você acabou de desperdiçar vai fazer falta quando seu filho quiser ficar um pouco mais no parquinho, no banho ou acordado brincando com você.

[adinserter block="1"]

TAGS

Artigo

Ler conteúdo completo
Indicados para você