[ editar artigo]

Pai, gosto da sua barba

Já não corto a barba com lâmina há uns bons 6 anos! Uso aparador de barba e utilizo sempre um pente meia escala, nem muito curto, nem muito volumosa. Isto faz de mim um grande adepto da barba por fazer. Ganhei horas de vida, mas confesso que, antes de usar barba, nunca fui daqueles que a fazia todos os dias.

 

E lá em casa, será que todos gostam da minha barba?

 

Não! Se a minha barba fosse votada lá em casa eu perderia e ao aceitar democraticamente a decisão, teria que a desfazer. Mas o Pai tem conseguido manter a sua vontade e até tem ganho uns pontos favoráveis.

Pai, gosto da sua barba - papodepai.com

A principal inimiga da minha barba é... a Mãe!

 

A Mãe não gosta e faz campanha contra a minha barba, tentando convencer nosso filho de que o Pai ficaria muito melhor sem pelos na cara. Como praticamente desde que nasceu meu filho não me vê sem barba e não tem memória do Pai com a sua carinha lisinha, o trabalho da Mãe tem sido difícil. Ainda bem!

Volta e meia aparecem umas fotos do Pai mais jovem e sem barba. A Mãe aproveita logo para puxar o seu rebento para o seu lado da barricada, mas o miúdo ora vai na conversa e diz "Pai, não gosto da tua barba" ou diz "Mãe, deixa a barba do Pai em paz".

Outra das dúvidas do pequeno é se ele vai ter barba e se vai ser igual a do Pai. Digo-lhe que sim, mas que não sei se será igual. Ele não fica muito contente especialmente por perceber que vai ter de cortar regularmente. É a vida!

 

"Pai, a tua barba pinica, mas eu gosto de mexer."

 

Outra das vantagens de ter barba é receber, pontualmente, uns mimos. Gosto especialmente daqueles miminhos que acontecem quando a criança está quase quase dormindo, já na sua cama e lá vem aquela mãozinha sentir a barba do Pai. "É fofinha, Pai" e fico ali reduzido a quase nada, ou seja, completamente derretido.

Pai, gosto da sua barba - papodepai.com

Pais barbudos, uni-vos!

 

Pais adeptos da barba, a nossa luta é difícil, mas não nos deixemos levar. Ter barba já deixou de ser moda para passar a fazer parte da cara do homem. Não cedam às pressões, nem que essas pressões sejam feitas pelos pequenos lá de casa. Tentem perceber se há alguém por detrás desse plano maquiavélico que quer o Pai de cara lisinha.

Mães que gostam de homens com barba, ajudem-me a encontrar argumentos para me defender lá em casa. Conto com vocês.

[adinserter block="1"]

[adinserter block="3"]

TAGS

Artigo

Ler conteúdo completo
Indicados para você