[ editar artigo]

Pai cria camiseta para que filho faça uma massagem enquanto brinca

Depois de um dia exaustivo de trabalho quem nunca desejou chegar em casa, se jogar no sofá e receber uma bela massagem? Mas, a realidade é que ao chegar em casa, muitas vezes exaustos, nossos filhos estão cheios de energia. Querem brincar, pular...  E por que não juntar a vontade dos pais com a deles?

Foi pensando nisso que o engenheiro de software, Ken Kawamoto, criou uma camiseta que permite que seu filho brinque enquanto ele recebe uma massagem nas costas. Nada mal, né?

A invenção foi apresentada através do Twitter, onde Ken mostra como funciona a brincadeira/massagem. À primeira vista, a camiseta parece bastante simples, mas quando o filho começa a brincar, a mágica do relaxamento acontece!

Pai cria camiseta para que filho faça uma massagem enquanto brinca - Papo de Pai

Em entrevista ao site Bored Panda, Ken contou como surgiu a ideia: “Eu costumo trabalhar no meu laptop enquanto estou deitado no chão. Uma vez, em um ato de tédio, meu filho começou a brincar com seu trem de brinquedo nas minhas costas, o que surpreendentemente me pareceu muito relaxante, já que minhas costas estavam realmente tensas. Então, tive a ideia de fazê-lo dirigir o trem ao longo das partes particularmente afetadas de minhas costas.”

Pai cria camiseta para que filho faça uma massagem enquanto brinca - Papo de Pai

A camiseta tem trilhos de trem impressos em suas costas justamente porque o filho de Ken adora trens. E para que o pequeno condutor possa fazer o percurso, a camiseta tem áreas especialmente projetadas, denominadas “Ombro direito”, “Ombro esquerdo”, “Coluna vertebral” e “Lombar inferior”. Dessa forma, o pai dá os comandos de qual caminho o trem deve percorrer, de acordo com as áreas das costas que estão mais doloridas. Ombro esquerdo está pior? O trem deve fazer o trajeto várias vezes de maneira mais vigorosa!

O vídeo de demonstração da invenção “em ação” foi assistido mais de 1,23 milhão de vezes, além de ter sido retweetado mais de 30 mil vezes. No Facebook, o vídeo já ultrapassa 2,2 milhão de visualizações. Os pais realmente gostaram da ideia e Ken, que não é bobo nem nada, está comercializando a camiseta (e-commerces) por 2.500 Iene japonês (o equivalente a R$ 90).

Ler matéria completa
Indicados para você