[ editar artigo]

Estudos apontam: Homens são mais vulneráveis ao coronavírus

Estudos apontam: Homens são mais vulneráveis ao coronavírus

Em meio a tanta desinformação, e ao mesmo tempo tantas novas descobertas, há um fato muito interessante que podemos notar nessa pandemia do novo coronavírus. Os homens tem uma taxa de mortalidade maior que das mulheres, embora haja mais mulheres que homens no mundo.

E porque isso ocorre? Na minha opinião ha motivos particulares ao gênero, E também ao comportamento social dos homens.

Em um estudo realizado pela Sociedade Europeia de Cardiologia, os pesquisadores relatam que homens têm concentrações maiores de enzima conversora de angiotensina 2, em sua corrente sanguínea. Isso pode ser um fator que explique os homens serem mais vulneráveis do que as mulheres.

Analisando pacientes de mais de 11 países europeus, sendo 1.123 homens e 575 mulheres, os pesquisadores perceberam que o marcador biológico estava presente em mais pessoas do sexo masculino do que do feminino, especialmente nos pulmões. E que essa enzima ajuda na infestação celular do vírus.

De acordo com estudo recente publicado na revista científica Human Genomics, o cromossomo X contém um grande número de genes relacionados à imunidade e, como as mulheres têm dois deles, largam na frente no combate à doenças.

Pesquisas também descobriram que o estrogênio, hormônio sexual muito mais prevalente nas mulheres, protegeu fêmeas de camundongos infectadas pelo vírus da SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave), causada por outro tipo de coronavírus e responsável por um surto em 2003.

Do ponto de vista comportamental, podemos observar o seguinte:

Homens fumam mais;

Homens lavam menos as mãos ;

Homens tem estilo menos saudável de vida;

Quando a chance (genética) se encontra com comportamento, aí sim ocorre um evento. A conduta diária voltada para uma vida mais saudável é a prevenção mais efetiva que podemos ter, claro que associado com os elementos sanitários como distanciamento social, uso de máscaras, álcool em gel e o lavar das mãos.

A prevenção é a melhor e mais barata estratégia.

Ler matéria completa
Indicados para você