[ editar artigo]

Descubra como a nutrição impacta o desenvolvimento das crianças

Descubra como a nutrição impacta o desenvolvimento das crianças

Há boatos por aí de que quem cuida da alimentação é sempre a mãe. Bom, confesso que pode haver fundamento nisso, pois, como eu mesmo confessei no último texto sobre o assunto, eu não achava que nutrição era propriamente um assunto meu.

Porém, chegou a hora de mudar esse quadro e de convidar todos os pais que acompanham minha página para quebrarmos mais um estereótipo sobre a paternidade. 

Por isso, trouxe hoje uma pequena introdução para aprendermos um pouco sobre por que é tão relevante se informar e se envolver na alimentação dos seus filhos.

Se toda a essência da alimentação de sua família pudesse ser capturada em uma fotografia, como ela seria? 

O projeto Daily Bread, idealizado por um fotógrafo chamado Gregg Segal, fez isso e eu fiquei chocado com o que vi! Gregg pediu para que crianças de regiões diferentes registrassem o que comem em um diário e depois as fotografou. Confira um pouco do resultado:

Eu espero que você tenha percebido o mesmo que eu: os hábitos alimentares são criados na infância. E sim, isso coloca uma responsabilidade muito grande sobre nós, pais. 

Não podemos simplesmente desejar que uma criança se alimente bem se não dermos o exemplo e a incentivarmos de forma saudável. 

A partir de 1 ano, as crianças podem até mesmo comer a mesma comida da família, contanto que seja saudável, é claro. E é aí, na primeira infância, que precisamos estimular a criação de bons hábitos alimentares, pois temos uma janela de oportunidade diante de nós (segure esse nome, falaremos dele em breve!).

Pode ser que você pense: mas importa tanto assim o que a criança comerá? Afinal, não basta alimentar? Eu sei, eu já pensei assim. 

Mas acredite, quando uma criança tem uma alimentação saudável, isso melhora sua aprendizagem em todas as áreas! Os nutrientes adequados para cada fase auxiliam no desenvolvimento das habilidades cerebrais e também físicas. Afinal, como já mostrava nosso antigo amigo Popeye, um bom espinafre garante força!

Além disso, cabe a nós um alerta: de acordo com um estudo realizado pela Federação Mundial da Obesidade, o número de crianças acima do peso entre 5 e 17 anos irá saltar de 220 milhões para 268 milhões em apenas uma década. 

O resultado disso? Maiores riscos de hipertensão e diabetes na vida adulta. Melhor agirmos rápido, não acha?

E é por isso que aceitei o convite de Aptanutri, uma marca da Danone Nutricia, cuja preocupação é a mesma que a minha, e tenho estudado ainda mais sobre o assunto: para que nós, pais, saibamos como auxiliar nossos filhos na formação de bons hábitos alimentares. 

E como fazer isso? Fique atento por aqui, pois meu próximo texto do tema trará dicas práticas para se envolver na alimentação dos filhos. 

E, para não perder, clique para seguir o meu usuário e a tag nutrição aqui no blog. Fazendo isso, você será notificado sempre que um novo texto for postado. Entre também no nosso Grupo do Facebook e siga nossas redes sociais!

***

Quer saber mais sobre como melhorar a alimentação do seu filho? Vamos juntos!

Esse texto faz parte da série sobre nutrição infantil criada em parceria com Aptanutri 3, lançamento da Danone Nutricia especialmente pensado para as necessidades nutricionais das crianças brasileiras de 1 a 3 anos. Sabemos como desenvolver bons hábitos alimentares nesta fase é uma preocupação de todo o pai, por isso, Aptanutri 3 e Papo de Pai se uniram para trazer informações e pesquisas relevantes sobre esse assunto. Para ler todos os posts sobre o tema, siga a tag nutrição.

***

Papo de Pai
Tomás Dotti
Tomás Dotti Seguir

Trabalhando diariamente pra me tornar o grande homem que minhas filhas acreditam que eu sou e inspirando outros homens a fazerem o mesmo. Fundador e Community Manager do Papo de Pai.

Ler conteúdo completo
Indicados para você