[ editar artigo]

Depois de birra da filha em restaurante, Pai viraliza com post contra julgamento

Todos os Pais sabem como é difícil manter a calma diante da birra de uma criança. Pior ainda se for em espaço público, e mais: quando as pessoas ao redor começam a olhar feio para você e o pequeno.

Foi o que aconteceu com Clint Edwards, blogueiro norte-americano que escreve sobre Paternidade. Em sua página no Facebook, ele contou que estava com a família em um restaurante quando a filha de 2 anos começou a se comportar mal depois que a Mãe a proibiu de atirar pedaços da comida.

Diante da negativa, a garotinha "gritou e gritou, chutou e chutou", conforme diz o Pai. E, como Clint era o único que havia terminado sua refeição, levou a menina para o carro. Nesse momento, segundo ele,  recebeu olhares irritados com aquele ar de "se você não consegue controlar seu filho, não saia de casa".

Depois de birra da filha em restaurante, Pai viraliza com post contra julgamento Reprodução Facebook

Assim que entrou em seu carro, Clint tirou uma foto e fez um post sobre o acontecido, especialmente dirigido àqueles que se mostraram incomodados. Em um trecho, ele diz:

"Ela tem 2 anos e vamos precisar de muito tempo para ensiná-la como se comportar em público. O único jeito de fazer isso é levá-la aos lugares e mostrar o que é certo e o que é errado. Dizer não um milhão de vezes, deixá-la brava e dizer não de novo.

[adinserter block="8"]

Essas lições exigem paciência, trabalho duro e experiências do mundo real, então peço desculpas àqueles que ficaram irritados no bar com a reação da minha filha, mas vocês são parte da lição. Seus Pais fizeram o mesmo com vocês e é por isso que vocês sabem reconhecer quando uma criança faz algo irritante em um restaurante. Foi assim que vocês aprenderam a olhar para a situação e dizer: 'Aquele Pai precisa controlar seus filhos'. Foi como você aprendeu a ser uma pessoa respeitável.

Eu entendo. Crianças que gritam em restaurantes são irritantes. Eu sei. Estou vivendo isso. Mas, antes de ficar bravo e fazer julgamentos, pense que você está presenciando não um Pai ruim, mas Pais trabalhando duro para resolver o problema.

Você está olhando para o que transforma uma criança em uma pessoa."

O post foi compartilhado mais de 150 mil vezes. Em entrevista ao portal Babble, Clint se mostrou surpreso com a repercussão e afirmou: "É bom saber que não sou o único com uma criança maluquinha de 2 anos em um restaurante".

[adinserter block="1"]

[adinserter block="3"]

Ler conteúdo completo
Indicados para você